Conlang
Advertisement
  • Se procura pelo sistema de representação usado para comunicação, veja linguagem humana; para outros casos, veja Língua (desambiguação).

A língua

  • é o órgão muscular localizado na parte ventral da boca da maior parte dos animais vertebrados e que serve para "processar" os alimentos;
  • é um dos órgãos do paladar, contendo, na maior parte de sua superfície, papilas gustativas;
  • participa na formação dos fonemas da fala;
  • é muitas vezes usada como sinônimo de linguagem, por exemplo, em língua materna;
  • é observada para diagnóstico na medicina tradicional chinesa;
  • é o único músculo voluntário do corpo humano que não fadiga.

A língua é formada essencialmente de músculo esquelético e, nos mamíferos, encontra-se ligada à cartilagem hióide, à mandíbula e aos processos estilóides do osso temporal.

Os músculos com que a língua está ligada ao crânio são denominados músculos extrínsecos, enquanto que os que formam a própria língua são os quatro pares de músculos intrínsecos responsáveis pelo movimento e alterações da forma da língua durante a mastigação e a deglutição.

A parte dorsal da língua pode ser dividida em duas partes: uma porção oral, que se encontra dentro da cavidade bucal, e uma porção faríngea (terço posterior da língua) fazendo face à parte de trás da orofaringe. As duas partes são separadas por um sulco em forma de V (sulco terminal).

O lado dorsal dos dois-terços anteriores (parte oral) da língua é revestida de papilas gustativas, e a língua tem uma aparência macia e rosada. Há quatro tipos de papilas gustativas: filiformes, fungiformes, valadas e foliadas. Atrás da parte oral da língua há de 3 a 14 papilas arranjadas em formato de V em frente ao sulcus terminalis (sulco terminal).

Não há papilas linguais na parte de baixo da língua. Ela é revestida com uma membrana mucosa macia que aloja, no centro, o frênulo da língua.

A parte mais acima da língua posterior (parte faringeal) não possui papilas gustativas visíveis, mas é áspera devido à presença de folículos linfáticos abaixo. Esses folículos são conhecidos como tonsilas linguais.

Tudo relacionado à língua é geralmente chamado de lingual que vem da palavra latina, ou glossal que vem da palavra grega para língua.

Músculos extrínsecos da língua[]

Existem quatro pares de músculos extrínsecos que auxiliam no movimento da língua e que são inseridos em vários ossos da cabeça e pescoço.

  • Genioglosso - origina-se do tubérculo geniano da mandíbula (maxilar inferior), e compreende a maior parte da língua.
  • Hioglosso - inserido ao osso hióide.
  • Estiloglosso - proveniente do processo estilóide osso temporal
  • Palatoglosso -

Ver também[]

  • corpo humano
Advertisement